quarta-feira, 4 de junho de 2008

Luzes

bem-vinda essa luz
bem-vindos quem eu vi
e todos os sorrisos
sempre quis estar aqui

bem-vindo esse carinho
e o teu acalentar
eu te ofereço o meu caminho
vem comigo, deixa eu te levar

que amanhã eu pego um sonho
vou sem hora pra voltar
um amor aqui, ali um abandono
nenhum drama, me ama
que eu não nasci com medo de amar

e antes mesmo de hoje cedo
do teu colo me pegar
eu já desvendei no ventre o teu segredo
e a semente da gente
vim pra cultivar

bem-vinda, luz
bem-vinda, Lu
bem-vinda, luz
bem-vinda, Lu

(“Luzes”, música composta em 2007, na semana em que essa figurinha iluminada aí de cima chegou)

3 comentários:

Lu disse...

Meu querido irmão e titio Marcelo...estamos sem palavras...
No momento só consigo me expressar com lágrimas e o Bruno com o mais belo dos sorrisos.
Que coisa mais linda !!!
Para ficar perfeito, só falta ouví-la na sua voz.
Muito obrigada !!!
Estamos profundamente emocionados...
Te amamos muito !
Bruninho e Lu

Marcelo Amorim disse...

Muito feliz aqui de saber que você gostou, Lu. Gosto muito da melodia, também. Um dia gravo e mando praí. Beijo pro Bruno, que mesmo sem saber já é meu parceiro musical ;-)

Iza disse...

Você está cada vez melhor com as palavras.
Lindo o que você escreveu, leve e puro como o bebê inspirador. Aliás, mande um beijo prá Luciana, ele é lindo mesmo!
Não tem jeito de mandar a música prá gente ouvir?
Fiquei muito honrada com o status de colaboradora do seu blog, apesar de ter sido apenas mensageira.
Bjs,
Iza