sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Retomando o papo


Já de volta à ativa, mas ainda meio que pegando no tranco, retomo as postagens com uma mensagem curiosa que a Cléo, uma moça que trabalha comigo, recebeu no ônibus hoje cedo. Ela estava com um fone de ouvido, como muita gente faz, e a mulher sentada ao lado começou a escrever algo em um papel. Eis que essa mulher se levanta e, antes de ir para a porta e descer, coloca essa mensagem no colo da Cléo, mensagem que transcrevo a seguir, ipsis literis:

“Quando estou dentro do ônibus e vejo uma pessoa falando ou ouvindo celular, fico imaginando como essa gente é pobre. Ao invés de ficar falando ou ouvindo, por que não lê um bom livro ou um jornal para adquirir mais cultura? Façam como eu. Eu não gosto de celular, odeio. Vou para o meu curso de francês, que é mais chic. Façam o mesmo que eu. Merci (obrigado)”

3 comentários:

(l' excessive) disse...

!!!!!!!!!!!!!!!!
Céus!
Chiquetéééééérrima.
Devia era ir de motorista particular para sua aula de Francês, não é mesmo? Daí a plebe rude não atrapalharia seu mundinho de madame.
(Quêque esta mulher tava fazendo num bus??????)
Bem-vindo de volta ao mundo blogueiro, by the way...

oh my! disse...

Olha..., ontem mesmo tirei meu mp3 do fundo do armário, dei uma limpadinha maneira nele, e retomei o costume de ouvir nice songs dentro do bus, do metro, nas ruas da cidade! Música acalma a alma..., traz alegria, PRINCIPALMENTE quando estamos enlatados igual a uma sardinha. Qual é o problema desta senhora?

Chego em casa a noite e o livro está a minha espera antes de dormir, o cinema não mudou de lugar, as aulas de espanhol ocupam os meus sábados...!

Céus..., ela deveria estar num bad bad day! Pobrezita!

Mulher disse...

Vou ficar uns 3 dias rindo disso! Hahahahahaha
Mas que mundo! Hein!!!!